Galeria de Fotos

Agosto das Artes

Visão, audição, tato, olfato e paladar. Os cinco sentidos dos estudantes e colaboradores da Bahiana foram explorados mais uma vez no projeto Agosto das Artes que aconteceu na Unidade Acadêmica Cabula, no dia 19 e, na Unidade Acadêmica Brotas, nos dias 26 e 28 de agosto, às 13h.

A visão ficou por conta da coordenadora de Medicina, Prof.ª Dra. Eliana de Paula, que compartilhou com os visitantes a instalação Cores do Marrocos com fotografias de sua viagem e utensílios daquele país que ambientaram um espaço espacial. "Eu gosto de realizar essas viagens a lugares pitorescos com culturas diferentes da nossa. Eu trouxe as fotografias e os objetos para compartilhar essa experiência com outros colegas", declara.

Grande chamariz do Agosto das Artes, a música esteve presente durante todo o evento com apresentações de alunos e professores. Segundo o psicólogo e pedagogo do NAPP, Wagner de Angeli Ferraz, o objetivo do evento é "fomentar as atividades de arte e cultura da instituição. Acreditamos que, dessa forma, as relações de formação do profissional de saúde, as relações no ambiente acadêmico são humanizadas. Também temos a oportunidade de trabalhar a pluralidade cultural", explica.

A participação dos estudantes também foi intensa nas oficinas. A aluna do 1º semestre de Enfermagem, Joice Reis, foi a monitora da oficina de bijuteria. Segundo ela, o convite surgiu na semana dos calouros. Sua experiência como artesã foi compartilhada com a colaboradora do laboratório, Arlete de Jesus Souza. Há 13 anos na Bahiana, ela diz que "o Agosto das Artes é um momento interessante, porque a gente vai aprendendo a fazer as coisas, é uma terapia também. No horário de almoço ter algo criativo para fazer, é muito legal".

Trabalhar o lúdico no horário de almoço também ajuda a espairecer. É como a estudante do 6º semestre de Medicina, Larissa Leal, vê as atividades do Agosto das Artes. Juntamente com os colegas, ela desfrutou de um espaço reservado ao artesanato com argila. "É muito bom porque ajuda a tirar a cabeça das preocupações, espairece um pouquinho, porque a gente não tem muito tempo de ficar fazendo essas coisas e, aqui no intervalo, é bom ter alguma coisa para distrair".

Entre as atividades, o paladar e olfato também tiveram seu lugar com uma oficina de doces. O evento contou ainda com uma oficina de malabares, painel de pintura e declamação de poesias. Como no ano passado, o estudante de Psicologia, Kaike Costa Oliveira de Jesus expressou o seu lado poeta. CLIQUE AQUI e veja o poema "E ao falar em Psicologia, estou falando do ser humano".

O Agosto das Artes é uma iniciativa do Núcleo de Atenção Psicopedagógica, que tem à frente a gestora Maria Angélica Mendes e conta com a colaboração dos integrantes do núcleo Maria Cândida Tavares, Isabella Queiroz, Jehisa Pinheiro, Jozélia Abreu, Patricia Lisboa Viana e Wagner de Angeli Ferraz. Este ano, a comissão organizadora contou com a participação dos estudantes de Psicologia Julio Cesar Requião (8º semestre), Amanda Kuelin (2º semestre), Bruna Gusmão (4º semestre), Liz Freitas (1º semestre), Lara Cannone (4º semestre), Lorena Martins (4º semestre), Alyne de Souza Melo (4º semestre), Nilo Barroso (4º semestre) Luiza Kalil (4º semestre) e Paula Bispo (4º semestre).



Campus Brotas

Av. Dom João VI, nº 275, Brotas.
CEP: 40290-000
tel.: (71) 3276 8200
fax.: (71) 3276 8202

Campus Cabula

Rua Silveira Martins, nº 3386, Cabula
CEP: 41150-100
tel.: (71) 3257 8200
fax.: (71) 3257 8230

Coordenadoria Geral

Av. Dom João VI, nº 274, Brotas.
CEP: 40285-001
tel.: (71) 2101 1900
fax.: (71) 3356 1936