Galeria de Fotos

Exposição "Um Pouco de Cada Um"

“Há dois anos, fazemos essa atividade no fim de cada semestre e apresentamos ao público os trabalhos realizados  com os pacientes dos grupos  dos Programas de Saúde Mental e de Saúde do Idoso do Serviço de Terapia Ocupacional e agora estamos introduzindo, com eles, uma discussão sobre economia solidária e geração de renda que também é uma estratégia para trabalharmos a independência e autonomia dos pacientes”, explica a coordenadora do Serviço de Terapia Ocupacional (SERTO) do Ambulatório Docente-Assistencial da Bahiana (ADAB), Sofia Campos, acerca da exposição “Um Pouco de Cada Um” que aconteceu no último dia 1º de junho, na Unidade Acadêmica Brotas da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública.

O objetivo principal do trabalho desenvolvido nos grupos de idosos tem foco na promoção da saúde e na socialização dos pacientes e, por sua vez, o grupo do Programa de Saúde Mental tem caráter terapêutico, a fim de desenvolver, nos pacientes que sofrem com transtorno mental, questões por meio de atividades expressivas.

A verba adquirida com a venda dos trabalhos feitos pelos pacientes é revertida, em parte, para compra de novos materiais. O destino do restante arrecadado é decidido pelos participantes dos grupos.

“O trabalho da gente é voltado para promoção de saúde. Reunimos os idosos e vemos a questão da autonomia e o que cada um é capaz de produzir, valorizando essas habilidades. Começamos com um grupo de troca de aptidões - um idoso que sabia fazer determinado trabalho trazia para o grupo, ensinando para os demais integrantes e, daí, surgiu a ideia da exposição dessas peças e estamos hoje com 20 idosos”, explica Ana Cláudia Braga especialista em Saúde do Idoso e responsável pelo grupo.

Segundo a aposentada Darci Araújo, 70 anos, paciente do Programa de Saúde do Idoso, as atividades no grupo são fundamentais para o seu cotidiano, uma vez que o trabalho desenvolvido permite uma integração maior com os outros integrantes, além de promover uma higiene mental. “Desenvolvemos um trabalho artesanal que proporciona um aprendizado muito grande, uma troca de experiências, pois cada um traz ideias diferentes e, a partir disso, construímos coisas bem interessantes”, explica.

“Ingressar no grupo de Saúde ao Idoso melhorou muito meu cotidiano, pois, através das atividades, tenho a oportunidade de compartilhar nossas histórias de vida, fazendo não só bem à mente da gente quanto ao nosso corpo que está sempre em movimento”, finaliza Lucia Maria Barreto,74 anos pensionista.



Campus Brotas

Av. Dom João VI, nº 275, Brotas.
CEP: 40290-000
tel.: (71) 3276 8200
fax.: (71) 3276 8202

Campus Cabula

Rua Silveira Martins, nº 3386, Cabula
CEP: 41150-100
tel.: (71) 3257 8200
fax.: (71) 3257 8230

Coordenadoria Geral

Av. Dom João VI, nº 274, Brotas.
CEP: 40285-001
tel.: (71) 2101 1900
fax.: (71) 3356 1936