Galeria de Fotos

Simpósio de Biomedicina | 15 anos do curso
Além de promover a difusão e a troca de conhecimento, o VII Simpósio de Biomedicina da Bahiana, que aconteceu nos dias 4 e 5 de maio, no Campus Cabula, celebrou os 15 anos de criação do curso. A cerimônia, realizada no segundo dia do evento, foi aberta com a participação especial do Quarteto de Cordas Dedilhadas do Neojibá.

Participaram da mesa de abertura o coordenador do curso, prof. Geraldo Argolo e a coordenadora do simpósio, prof.ª Siane Campos. "Este é um momento muito especial para o curso de Biomedicina da Bahiana, que completa 15 anos. Estamos todos nos encontrando e reencontrando. Tivemos um encontro dos egressos, no qual pudemos ver os nossos ex-alunos e saber onde eles estão atuando," declarou Siane. A coordenação contou com o apoio do PET Biomedicina, das Ligas Acadêmicas do curso, da Associação Atlética de Biomedicina e de alguns alunos da graduação. Estiveram presentes professores, colaboradores e a coordenadora de Desenvolvimento de Pessoas, Luiza Ribeiro, representando a reitora da Bahiana, Dra. Maria Luisa Carvalho Soliani.

Destinado a estudantes e profissionais de Biomedicina e outras áreas da saúde, o evento também teve o propósito de complementar a formação dos participantes com a realização de palestras, minicursos, mesas-redondas e seções de exposição de trabalhos científicos, visando à construção de uma prática inovadora para o desenvolvimento tecnológico na área biomédica.


Feedback

O objetivo foi percebido por um grupo de estudantes da Faculdade Maria Milza (FAMAM), localizada no município de Governador Mangabeira, que participou do evento. Taise Queiroz Maia, estudante do 1º semestre de Biomedicina da FAMAM, conta que ficou atraída em participar da jornada para adquirir mais conhecimento. "Isso é muito importante, principalmente para a nossa carreira." Declara a acadêmica que participou dos minicursos de Análises Clínicas e Citopatologia e ressaltou a competência dos profissionais que ministraram as aulas.

Para a colega de Taíse, Railine Barbosa Salgado, a participação de eventos acadêmicos de outras instituições leva o estudante a ampliar sua visão. "Achei bom ter participado, pois isso abre os nossos horizontes, para que não fiquemos focados apenas na nossa faculdade, achando que o mundo se resume a esse universo. Fui muito bem recebida e, após os minicursos e toda a programação, confirmei que escolhi a área certa."

João Pedro Junqueira, estudante do 3º semestre de Biomedicina da Bahiana e monitor do evento também ressalta a importância de participar de programações científicas. "Como estudante, vejo que participações em eventos acadêmicos despertam um interesse ainda maior pela área. As experiências passadas pelos palestrantes são sempre muito positivas, ampliando a nossa visão com relação ao trajeto que a gente quer passar.” João explica que a

área da Biomedicina é muito ampla e que quem entra no curso, muitas vezes, tem dúvida sobre qual das 36 áreas pretende seguir. "Por isso, participar de eventos como esse é muito importante", afirma.


Homenagem

Dentro da programação comemorativa dos 15 anos do curso de Biomedicina, foram homenageados ex-professores que participaram do início da história da Biomedicina na Bahiana: Tania Klober Brazil, Maria Terezita Bendicho, Luíz Henrique Oliveria, Denise Lemaire, Andréa Laiz, Flora Maria Fernandes, Hygia Maria Guerreiro e Silvia Maria de Campos Vieira.

Em suas palavras de abertura, o professor Geraldo Argolo agradeceu a dedicação dos professores homenageados. "Estamos muito felizes com a presença deles todos aqui, que traz um brilho especial à nossa comemoração. Graças a eles, temos esse curso tão bem azeitado, como está hoje. Dentro de uma contemporaneidade, temos sempre novos desafios e estamos sempre nessa busca constante pelo aperfeiçoamento do curso e da própria Biomedicina."


Programação Simpósio

Integrando a programação do VII Simpósio de Biomedicina, foi realizada, no primeiro dia do evento, a II Feira de Biomedicina. Segundo o coordenador da atividade, prof. Gabriel Queiroz, a ideia da feira é apresentar para os alunos do 1º semestre as principais áreas de atuação de Biomedicina. "Outro objetivo é unir os estudantes do 1º e 6º semestres do curso, que começam a organizar a feira um semestre antes de acontecer o evento. Hoje, os estudantes organizadores estão no 2º e 7º semestres," explica.

Além dos calouros, a feira teve como público-alvo estudantes de outros cursos, colaboradores e visitantes da Bahiana. Foram expostas as áreas de análises clínicas, Bioimagem, Pesquisa Científica, Estética e Acupuntura. Nesta edição, a feira trouxe como inovação uma área interativa, onde os visitantes puderam conhecer todos os campos de educação do biomédico.

O segundo dia do simpósio contou com a palestra "A atuação do biomédico na gestão em saúde", proferida pela ex-aluna do curso Aline Muniz, que deu início às atividades acadêmicas. Também foram realizadas a palestra "A trajetória do profissional biomédico", com Dimitri Marques, do Sindicato dos Biomédicos, e a mesa-redonda "O Caminho das Pedras: relatos de sucesso de biomédicos", com a participação de egressos do curso de mediação de Vanessa Brito, professora do curso.

O encerramento foi marcado pela entrega do Prêmio Geraldo Leite ao acadêmico Lucas Gentil, cujo trabalho foi orientado pela professora Luciane Amorim.


Campus Brotas

Av. Dom João VI, nº 275, Brotas.
CEP: 40290-000
tel.: (71) 3276 8200
fax.: (71) 3276 8202

Campus Cabula

Rua Silveira Martins, nº 3386, Cabula
CEP: 41150-100
tel.: (71) 3257 8200
fax.: (71) 3257 8230

Coordenadoria Geral

Av. Dom João VI, nº 274, Brotas.
CEP: 40285-001
tel.: (71) 2101 1900
fax.: (71) 3356 1936