Notícias

Health Tech da Bahiana discute a cultura do empreendedorismo e o uso da tecnologia

Evento on-line e gratuito reuniu docentes, discentes, empreendedores e pesquisadores.
20/11/2020


Health Tech da Bahiana discute a cultura do empreendedorismo e o uso da tecnologia

Evento on-line e gratuito reuniu docentes, discentes, empreendedores e pesquisadores.

Docentes, discentes, empreendedores e pesquisadores puderam se atualizar sobre o mercado de trabalho, empreendedorismo e tecnologia na 4ª edição do Health Tech da Bahiana. A ação digital e gratuita aconteceu no dia 13 de novembro, das 18h30 às 21h30, por meio da plataforma Zoom Metting, e teve o tema “HistoLab: da ideia ao mercado. Uma trajetória de empreendedorismo acadêmico". O assunto principal abordado pela professora da Bahiana Adriana Moura, doutora em Biologia Celular, trouxe à tona a cultura do empreendedorismo e a importância do uso da tecnologia em saúde. A ação também contou com a cerimônia de premiação da segunda edição do Prêmio Inova+Saúde.

A iniciativa foi coordenada pelo professor Atson Fernandes, pró-reitor de Pesquisa e Inovação da Bahiana. Quanto ao evento, o pró-reitor explica que a programação e realização da 4ª edição do Health Tech teve como base a cultura do empreendedorismo da comunidade acadêmica da Bahiana, sob a perspectiva de desenvolvimento tecnológico e inovação: “É um evento que discute muito a pesquisa aplicada ao desenvolvimento de produtos. Por conta disso, fizemos parcerias com outras entidades, a exemplo do Banco Santander, um dos patrocinadores da premiação Inova+Saúde”.

“Também tivemos o apoio do Senai para que a nossa comunidade, que é da área de saúde, pudesse interagir com profissionais de outras áreas do conhecimento, principalmente a engenharia e a tecnologia da informação e, assim, exercitar a interdisciplinaridade multiprofissional”, destaca Atson Fernandes.

O professor e pró-reitor lembra ainda que há uma lei federal chamada de Marco Regulatório da Ciência Tecnologia e Inovação (CT&I), que regula a CT&I no Brasil: “O Health Tech está em perfeita harmonia com essa lei, promovendo, em nossa comunidade acadêmica, cada vez mais conhecimento por meio das publicações dos artigos científicos, além de incentivar o surgimento de novas ideias e tecnologias para impactar a vida das pessoas, transformar a sociedade, gerar renda e riqueza ao país. Por isso, o Health Tech tem obtido bastante sucesso, ainda mais que a própria Bahiana, em sinergia a esse contexto, já possui produtos de base tecnológica comercializados em parceria com empresas”.

Para a professora Adriana Moura, “empreender é uma consequência do surgimento de uma boa ideia para a resolução de um problema ou dificuldade. Essa boa ideia e o produto gerado a partir dela podem ajudar outras pessoas a enfrentarem a mesma situação”. Por isso, levando em conta o cenário atual, a professora destaca que encontrar soluções para os problemas advindos da crise e da pandemia e compartilhá-las é importante para que seja possível superar a situação. “Além disso, aliar a inovação, tecnologia, ciência e empreendedorismo é importante no ambiente acadêmico para conectar os estudantes com o futuro”, conclui.

Programação
O início do evento ocorreu às 18h30. O Sr. Fábio Sampaio, patrocinador do prêmio Inova+Saúde e gerente do Santander Universidades, e a reitora Dra. Maria Luiza Carvalho Soliani deram as boas-vindas na solenidade de abertura. Também estiveram presentes na ocasião: prof. Dr. Handerson Leite, diretor de Inovação da FAPESB, Dr. Agnaldo Freire, superintendente de Inovação da SECTI, Dra. Bruna Machado, pesquisadora e professora Associada do SENAI CIMATEC, prof. Dr José Gileá, coordenador da Agência de Inovação da Universidade do Estado da Bahia, prof. Dr. Reinaldo Martinelli, coordenador do Centro de Estudos do Hospital Português, prof. Dr. Luiz Ritt, gestor de Treinamento, Epidemiologia e Pesquisa do Hospital Cárdio Pulmonar e docente de graduação e pós-graduação da Bahiana e a Dra. Angiolina Kraychete, diretora médica da Clínica de Terapia da Dor. Em seguida, a prof.ª Adriana Moura ministrou a palestra “Histolab”. A cerimônia de premiação aconteceu às 20h.

Prêmio Inova+Saúde
A premiação é uma iniciativa da Bahiana, patrocinada pelo Santander Universidades, e busca por inovações que gerem resultados práticos à sociedade. Assim, o prêmio desafia professores e estudantes a desenvolverem soluções tecnológicas e propositivas a partir de situações reais. Na sua segunda edição, o prêmio também contou com as parcerias da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI CIMATEC), do Hospital Cárdio Pulmonar, do Hospital Português e da Clínica de Terapia da Dor. “Os ganhadores apresentaram soluções que poderão funcionar não só para as instituições de saúde parceiras (Hospital Cárdio Pulmonar, Hospital Português e Clínica de Terapia da Dor), mas para outros hospitais e clínicas, tornando-se um grande negócio”, revela o coordenador do evento.

A 4ª edição premiou dois vencedores para cada uma das categorias referentes aos desafios propostos pelas instituições parceiras Hospital Cárdio Pulmonar, Hospital Português e Clínica de Terapia da Dor. As categorias foram:

Desafio 1 – Eliminar o risco de queda de recém-nascidos em maternidades;
Desafio 2 – Otimização do processo de avaliação técnica das prescrições médicas de pacientes internados; 
Desafio 3 – Melhorar a adesão dos pacientes aos tratamentos por meio de interação.

Ao todo, 12 propostas concorreram ao Prêmio. As premiações com certificado, troféu e reconhecimento financeiro foram concedidas para os classificados em primeiro lugar, nos valores de 4 mil reais, nas 3 categorias. Os classificados em segundo lugar receberam certificado e troféu. Além disso, todos os vencedores poderão contar com apoio da Bahiana na prospecção de parcerias e captação de recursos para desenvolvimento da ideia e nos trâmites de registro de propriedade intelectual do produto desenvolvido junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial – INPI. 

Confira os vencedores do 2º INOVA+SAÚDE:
  • Desafio Hospital Cárdio Pulmonar
  • Desafio Hospital Português
  • Desafio Clínica de Terapia da Dor


* Com informações do Núcleo de Inovação Tecnológica – NIT.

Campus Brotas

Av. Dom João VI, nº 275, Brotas.
CEP: 40290-000
tel.: (71) 3276 8200
fax.: (71) 3276 8202

Campus Cabula

Rua Silveira Martins, nº 3386, Cabula
CEP: 41150-000
tel.: (71) 3257 8200
fax.: (71) 3257 8230

Coordenadoria Geral

Av. Dom João VI, nº 274, Brotas.
CEP: 40285-001
tel.: (71) 2101 1900
fax.: (71) 3356 1936