Galeria de Fotos

Quinta edição da Feira de Saúde Cuidar Faz Bem acontece na sede do NEOJIBA
Quinta edição da Feira de Saúde Cuidar Faz Bem acontece na sede do NEOJIBA
Iniciativa social teve exames gratuitos para a comunidade local


Uma manhã dedicada à promoção da saúde, qualidade de vida e cultura. Assim foi a V Feira de Saúde Cuidar Faz Bem realizada pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, no dia 31 de agosto, na sede do NEOJIBA – Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia, no bairro da Liberdade. A feira, voltada para o atendimento à população local, contou com diversos estande sobre HTLV, oftalmologia, tuberculose, epilepsia, doenças raras, hipertensão e diabetes.

A professora do curso de Enfermagem Rosicleide Machado, que organizou a feira juntamente com as professoras Meire Gomes e Ana Cruz, explicou como ocorreu o nascimento do projeto: “Essa feira de saúde surgiu por meio do programa de extensão Cuidar Faz Bem, que é do curso de Enfermagem e tem o objetivo de realizar um trabalho interprofissional. Cada ano, buscamos um bairro de Salvador para levar educação em saúde e, nesta quinta edição, temos alunos de todos os cursos da Bahiana e também professores que estão colaborando nos estandes e fazendo um trabalho interdisciplinar”.

Uma tradição da Feira Cuidar Faz Bem é o Palco das Artes que, este ano, teve a apresentação do NEOJIBA. Os talentosos jovens encantaram o público com performances musicais maravilhosas cheias de história.

Olgair Marques, coordenadora de desenvolvimento social do NEOJIBA, compartilhou sua gratidão em receber o evento na sede do grupo: “A Bahiana é nossa parceira desde 2014, e sempre realizamos atividades de cunho social com a instituição. É uma experiência que agrega valor para a nossa comunidade e auxilia nossos jovens a estarem mais informados acerca da saúde”.

Os estandes foram estruturados com base em uma pesquisa realizada pela Bahiana, que identificou quais as doenças mais comuns que afetam a região da Liberdade. No espaço de saúde da mulher, alunos de graduação da Bahiana realizaram atividades educativas sobre o uso de anticoncepcionais, prevenção contra Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), câncer de mama e de colo de útero. A professora Cristiane Magali Freitas, em conjunto  com a Associação HTLVida, montou um espaço sobre HTLV, onde foram realizados jogos educativos sobre as formas de transmissão do vírus, quais os sintomas, tratamentos e prevenção da doença.

Trabalhos realizados pela Bahiana Saúde e pelo Atendimento do Ambulatório Docente-Assistencial da Bahiana (ADAB) também forma demonstrados durante o evento. Alunos da Bahiana montaram um painel com a temática “Mitos e verdades sobre a epilepsia”, com o qual ensinaram, com uma simulação, quais condutas as pessoas precisam ter quando presenciarem uma crise de epilepsia.

Diversas organizações foram parceiras da Bahiana na realização desta edição da feira como a Prefeitura de Salvador, o Distrito Sanitário da Liberdade, a Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social do Governo do Estado e o Hospital Humberto Castro Lima (HHCL). Marília Neri, residente de oftalmologia do HHCL, contou sobre o trabalho que o hospital realizou durante a manhã: “Estamos fazendo um teste de acuidade visual na população. É comum o aparecimento de catarata em pessoas na faixa dos 30 anos de idade e é importante que as pessoas estejam informadas sobre a importância do cuidado com a saúde dos olhos desde cedo, para evitar complicações futuras”.

Rafael Lelis, estudante do oitavo semestre de Medicina da Bahiana e um dos organizadores da feira, expôs como participar do evento agrega a sua formação. “Fui responsável pela infraestrutura e colaborar com a idealização dessa feira é muito produtivo para a minha vida profissional, pois tenho a oportunidade de trabalhar com colegas de variados cursos de saúde e aprender como a atuação em equipe é importante”.

A população participou ativamente da feira. Jorge Cerqueira, morador da Liberdade, compartilhou a sua experiência no evento após visitar os stands: “Fico muito feliz com esse projeto, porque, muitas vezes, vamos ao Sistema Único de Saúde (SUS) e não conseguimos atendimento, então essa feira aqui nos ajuda bastante. Fiz exame de acuidade visual, mediram minha pressão, peso e altura. Sinto-me bem com tudo isso”.
 


Campus Brotas

Av. Dom João VI, nº 275, Brotas.
CEP: 40290-000
tel.: (71) 3276 8200
fax.: (71) 3276 8202

Campus Cabula

Rua Silveira Martins, nº 3386, Cabula
CEP: 41150-000
tel.: (71) 3257 8200
fax.: (71) 3257 8230

Coordenadoria Geral

Av. Dom João VI, nº 274, Brotas.
CEP: 40285-001
tel.: (71) 2101 1900
fax.: (71) 3356 1936